Início » Blog » Acessibilidade digital » Azul: campanha com influenciadores surdos e milhões de traduções

Azul: campanha com influenciadores surdos e milhões de traduções

Fundo azul com a ilustração de duas mãos ao centro. Uma aponta com o dedo indicador para cima e a outra está aberta. Em volta dessas mãos existem alguns balões de fala com emojis dentro.

Ações com influenciadores digitais são práticas cada vez mais comuns e que têm mostrado resultados positivos tanto para as empresas como para as pessoas que divulgam as marcas. Os consumidores quando buscam informações sobre um produto ou serviço que desejam contratar, tendem a dar mais atenção e confiarem em indicações de pessoas que admiram do que às propagandas que as empresas realizam. Outro ponto a ser considerado é que muitas vezes a decisão de compras desses consumidores está relacionada ao fato de se sentirem representados pelas organizações.

Seguindo essa tendência de mercado, a Azul Linhas Aéreas começou dando um grande passo ao tornar o site da companhia acessível com o Hugo, tradutor virtual da Hand Talk que realiza a tradução do conteúdo para a Língua Brasileira de Sinais. Assim a comunicação com a comunidade surda se tornou direta e sem barreiras.  

Para ficar ainda mais próxima desse público, a Azul aproveitou o Mês dos Surdos, celebrado todos os anos em setembro, para realizar uma campanha de comunicação sensacional. Ela convidou influenciadores surdos para escolher um sinal para a empresa.

Por que escolher um sinal?

Na Libras, ao invés de fonemas e palavras faladas, são usados sinais em todo o tipo de comunicação. Eles são como “nomes” para se referir às pessoas, empresas, objetos, entre outros. E por isso, a companhia quis definir um sinal único para que todos da comunidade surda usassem ao se referir à ela.

Com a hashtag #AzulEmLibras, os canais Visurdo e É Libras foram os responsáveis pelo engajamento com o público. Eles gravaram vídeos apresentando a campanha e pedindo para o público enviar suas sugestões de sinal. A galera curtiu muito a proposta e ao final, a Hand Talk validou o sinal escolhido com a Associação Nacional de Aviação de Surdos (ANAS) e hoje a Azul Linhas Aéreas tem seu próprio “nome” em Libras. 

A ação teve uma repercussão super positiva e os resultados puderam ser percebidos com números incríveis. Menos de um ano após o início da parceria, a Azul bateu a marca de 13 milhões de traduções e ainda esteve entre os top 5 dos sites mais traduzidos. Isso mostra que influenciadores digitais podem ser grandes aliados à marca e que uma comunicação acessível é benéfica para todos. 

A história completa da Azul você pode ler no Case que preparamos! 😉

blog@100x-8

Voltar ao topo